fbpx
 
Americana, 06 de maio de 2019 – Edição nº 298
Notícias da Educação Superior
NOTÍCIAS
Estudantes de instituições federais protestam contra Bolsonaro no Rio
Inscrições para Enem 2019 começam hoje; entenda as diferenças entre Sisu, Prouni e Fies
Mais da metade dos alunos de universidades federais é de baixa renda, diz pesquisa
Enem 2019 abre inscrições para a prova; veja passo a passo
Em defesa da filosofia e da sociologia na universidade
Bloqueios no MEC vão do ensino infantil à pós-graduação
‘Fies falhou em direcionar alunos para as necessidades do País’
Bloqueios no MEC vão do ensino infantil à pós-graduação
A expansão da educação a distância é um modelo válido? SIM
Audiência pública define medidas para a Faculdade Pitágoras
Humanidades para quê?
Alvo de corte de verbas do MEC, reitor diz que Instituto Federal do ES só terá dinheiro até setembro
Mais de R$ 90 milhões são bloqueados em instituições federais de ensino na Paraíba
Ensino a distância é aliado a falta de tempo para os estudos, aponta pesquisa
Ministro da Educação diz que primeiro ano na USP foi “um inferno”
Defensoria Pública vai à Justiça contra cortes de verbas em universidades federais
Visite nossa nova página de notícias e veja na íntegra os assuntos mais relevantes do ensino superior particular atualizados hora a hora

 

O Boletim Eletrônico SANTOS JR está chegando a sua marca de 300 edições.

Faça parte com a gente dessa história e conte sua experiência conosco!

Vamos publicar seu depoimento !

Boletim Semanal da Educação Superior direto para seu e-mail.

Envie seu artigo ele poderá ser publicado!

Solicite seu cadastro para contato@santosjunior.com.br

Entre para nosso grupo de whatsApp

Conheça nossa área de LEGISLAÇÃO EDUCACIONAL efetuamos acompanhamento diário do DOU – Diário Oficial da União.
– DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO – De 29/04/2019 a 03/05/2019
Destaques da Legislação Educacional
PORTARIAS DE 26 DE ABRIL DE 2019 – EXONERAÇÕES E NOMEAÇÕES
PORTARIAS DE 26 DE ABRIL DE 2019 – EXONERAÇÕES E NOMEAÇÕES
PORTARIAS DE 30 DE ABRIL DE 2019 – NOMEAÇÕES
PORTARIAS DE 03 DE MAIO DE 2019 – NOMEAÇÕES
Autorização de Cursos
PORTARIA Nº 209, DE 29 DE ABRIL DE 2019 – Ficam autorizados os cursos superiores de graduação constantes da tabela do Anexo desta Portaria
Autorização de Cursos em EAD
PORTARIA Nº 213, DE 2 DE MAIO DE 2019 – Ficam autorizados os cursos superiores na modalidade a distância, relacionados no Anexo desta Portaria
Indeferimento de Autorização de Curso EAD
PORTARIA Nº 214, DE 2 DE MAIO DE 2019 – Ficam indeferidos os pedidos de autorização dos cursos superiores na modalidade a distância, relacionados no Anexo desta Portaria
Despachos do Ministro da Educação
DESPACHOS DE 26 DE ABRIL DE 2019
Despachos (SERES)
DESPACHO Nº 24, DE 30 DE ABRIL DE 2019 – Seja arquivado o Processo MEC nº 23709.000071/2018-78, perante a FAVENORTE DE PORTEIRINHA (cód. 19555), instituição mantida pela Sociedade Educacional Mato Verde Ltda (cód. 16266), inscrita no CNPJ sob o nº 06.270.288/0004-43
FIES
PORTARIA Nº 231, DE 30 DE ABRIL DE 2019 – Prorrogar, para o dia 15 de maio de 2019, o prazo estabelecido na Resolução nº 03, de 28 de junho de 2012, para a realização dos aditamentos de renovação semestral dos contratos de financiamento concedidos pelo Fundo de Financiamento Estudantil (FIES), simplificados e não simplificados, do 1º semestre de 2019
PORTARIA Nº 952, DE 2 DE MAIO DE 2019 – Dispõe sobre o processo seletivo do Fundo de Financiamento Estudantil – Fies e do Programa de Financiamento Estudantil – P-Fies referente ao segundo semestre de 2019
Renovação de Certificação de Entidade Beneficente
PORTARIA Nº 211, DE 30 DE ABRIL DE 2019 – Ficam DEFERIDOS os requerimentos de Concessão/Renovação do Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social das entidades elencadas no Anexo
Indeferimento de Certificação de Entidade Beneficente
PORTARIA Nº 210, DE 30 DE ABRIL DE 2019 – Fica Indeferido o pedido de Renovação do Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social da entidade elencada no Anexo
PORTARIA Nº 212, DE 30 DE ABRIL DE 2019 – Ficam INDEFERIDOS os pedidos de Concessão/Renovação do Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social das entidades elencadas no Anexo
Legislação Miscellaneous
PORTARIA Nº 207, DE 26 DE ABRIL DE 2019 – Tornar sem efeito o disposto no número de ordem 18, do Anexo da Portaria nº 537, de 2 de agosto de 2018, publicada no Diário Oficial da União nº 149, de 3 de agosto de 2018, Seção 1, página 30 – Dispõe sobre os programas de pós-graduação stricto sensu na modalidade de educação a distância
PORTARIA Nº 208, DE 26 DE ABRIL DE 2019 – Tornar sem efeito o disposto no número de ordem 18, do Anexo da Portaria nº 537, de 2 de agosto de 2018, publicada no Diário Oficial da União nº 149, de 3 de agosto de 2018, Seção 1, página 30 – Dispõe sobre os programas de pós-graduação stricto sensu na modalidade de educação a distância
RETIFICAÇÃO PORTARIA Nº 917, DE 27 DE DEZEMBRO DE 2018
ARTIGOS ESPECIAIS

A expansão da educação a distância é um modelo válido? SIM

Por que o medo?

Henrique Sartori de Almeida Prado
Professor universitário, chanceler do Grupo Estácio e ex-secretário-executivo do Ministério da Educação​​

A educação a distância (EAD) é diretriz e integra a base da educação brasileira como uma modalidade reconhecida. Em 2005, um decreto apresentou parâmetros de qualidade e de segurança para um meio acadêmico que já inovava em termos de oferta e de experimentações.

Desde então, a EAD evoluiu no Brasil de forma muito tímida na educação básica e de forma bem intensificada na superior. Nota-se, ao analisar os dados dos Censos da Educação Superior, que, já no ano de 2007, a base de alunos declarados nesta modalidade representava 7% dos matriculados. Dez anos depois, triplicou de tamanho, alcançando 21,2% e perfazendo mais de 1,7 milhão de alunos.

Segundo dados do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) de 2017, a distribuição do conceito 3 (de uma escala entre 1 a 5) entre as modalidades presencial e a distância é praticamente igual para os cursos avaliados naquele ciclo.

Esse indicador é calculado a partir do desempenho dos alunos. A faixa de nota que concentra o maior número de cursos avaliados refere-se a um atendimento dos parâmetros médios da avaliação. Os dados mostram ainda que, como fator de impacto social dos cursos de EAD, quase 80% dos alunos inseridos nesta modalidade trabalham e que 77% são mulheres, reforçando o seu caráter inclusivo.

Por mais que em uma década a modalidade tenha crescido em números que sustentam ingresso, matrícula e permanência na educação superior, também cresce o número de atores descontentes com a oferta desses cursos superiores.

Com o discurso pautado na falta de qualidade ou na preparação inadequada dos currículos dos cursos, sobretudo na área da saúde, muitos que desconhecem as regras investem críticas contra a modalidade, como é o caso dos conselhos de profissão regulamentada.

Falamos aqui de uma parcela diminuta da sociedade, mas que consegue, a seu modo, garantir que o debate míope contra a modalidade esteja sempre calçado na desconfiança de quem regula o exercício de uma determinada profissão.

Quando agregam valor aos seus inscritos, esses conselhos são importantes para acompanhar o desenvolvimento de seus profissionais e o combate do exercício irregular da profissão. Mas, quando tentam indicar os rumos da formação, confundem a sua missão de ser, principalmente quando buscam pautar esses pontos fora das devidas instâncias.

Contudo, por mais que existam movimentos que queiram desagregar a educação a distância da qualidade, é vital esclarecer que todas as regras que competem aos cursos presenciais também se aplicam à EAD. Principalmente quanto a questões relativas a atividades práticas, estágios supervisionados obrigatórios e das disciplinas presenciais que as diretrizes curriculares nacionais de cada curso indicam, desmistificando que a liberdade do modelo esteja vinculada à falta de qualidade ou à irregularidade na oferta desses cursos perante o Ministério da Educação.

A modalidade a distância é um avanço para a educação brasileira, pois garante ao aluno, ao professor e às instituições de ensino devidamente habilitadas a liberdade de escolha e o melhor aproveitamento do seu tempo e das tecnologias disponíveis. Além disso, subsidia, por meio de metodologias inovadoras de comunicação e informação, um acesso mais célere e dinâmico aos currículos e conteúdos dos mais diversos cursos.

Se a educação brasileira já fez a sua escolha e se adaptou aos novos tempos, por que continuam a ter medo da educação a distância?

PRÓXIMOS EVENTOS

Confira a programação da SANTOS JR para este evento

Mesa Redonda: “EAD no Ensino Médio: o mito da [des]socialização”

O objetivo é o debate crítico sobre quais os reais impactos da implantação da educação à distância como requisito de currículo na educação básica e a forma de promover uma discussão efetiva para uma adoção responsável desta modalidade de ensino para nossas crianças e jovens.

Participantes:

Evandro Luís Ribeiro – Centro Universitário Claretiano

Jair dos Santos Junior – SANTOS JR Consultoria Educacional

Amaury Carvalho – FASU – Faculdade Sudoeste

Henrique Sartori de Almeida Prado – Chanceler Estácio Participações

 

– CONTATO –
Entre em contato conosco!
Entre em contato conosco 19 3468 4364 / 19 99976 4664
Conheça nossapágina no facebook

Conheça nossa página no facebook

Acesse www.santosjunior.com.br e tenha acesso a todo o conteúdo de nossos boletins
Para garantir que nossos boletins cheguem até você adicione nosso email ao seu catálogo de endereços
A SANTOS JR respeita a sua privacidade e é contra spam na rede

 

Fale conosco

Procurou algo da legislação e não encontrou? Entre em contato conosco e disponibilizamos para você!

Enviando

Copyright © 2017 SANTOS JR Consultoria Educacional. Todos os direitos reservados.

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?